Logo HVAC-R
Logo Abrava
Logo Apex Brasil
São Paulo, Brasil -
Português   |   Inglês   |   Espanhol
Página Inicial > Notícias

Empresários brasileiros prospectam negócios no Egito impulsionados pelo Acordo do Mercosul

17/04/2018
Impulsionados pelo acordo comercial Mercosul-Egito que entrou em vigor no fim do ano passado, empresários do país africano demonstram muito interesse em importar produtos brasileiros de diversos segmentos. No segundo destino da Missão ao Norte da África organizada pela Câmara de Comércio Árabe Brasileira, os empresários brasileiros participaram de reuniões, conseguiram novos contatos e se aprofundaram um pouco mais na economia egípcia, que está em recuperação.

"Foi uma troca de experiências muito interessante", contou Vitor da Silva, gerente financeiro da Soy Brasil, trading de milho e soja com sede em Curitiba (PR), por telefone à reportagem da ANBA. Além das reuniões com compradores egípcios, ele destaca o coquetel oferecido pelo embaixador brasileiro no Cairo, Ruy Amaral: "Além da comitiva brasileira, participaram do evento empresários locais e o pessoal da embaixada. Foi muito bom, porque pudemos saber um pouco melhor sobre como o Egito está se comportando na economia e nas relações comerciais", explicou.

Assim como no primeiro destino da missão - Amã, na Jordânia -, os empresários brasileiros foram recebidos na câmara de comércio local para o evento de abertura, no caso a Câmara do Cairo, parceira da Câmara Árabe na organização junto com a embaixada brasileira na capital egípcia. Após uma breve apresentação, eles participaram de reuniões com empresários de importadoras dos segmentos em que atuam. Houve cobertura da imprensa do Egito.

Silva destacou a lista de contatos de importadores locais que a Câmara de Comércio do Cairo selecionou para a sua empresa. "Conseguimos bons contatos e tivemos uma agenda bem positiva aqui. O pessoal foi bem receptivo", destacou.

A Soy Brasil exporta milho e soja tanto de forma direta como por intermédio de grandes multinacionais do setor. Segundo Silva, o objetivo da viagem é desenvolver um pouco melhor o mercado do Oriente Médio: "Não temos uma presença muito grande por aqui ainda. Como o Egito é o segundo maior comprador de milho do Brasil, estamos em busca de potenciais clientes", disse.

Karla Leite, diretora-executiva da Flora Brazil, fabricante de produtos de tratamento capilar que já tem cliente no Egito, também considerou positiva a participação na missão. Ela disse ter conversado com representantes das distribuidoras First Cosmetics e GEM. Com a última houve avanço, até porque seus produtos já estão liberados pela autoridade sanitária local.

"Amanhã [terça-feira (17)] terei nova reunião com eles. Depois vou visitar um contato em Alexandria e no mês que vem vou para uma feira em Dubai", explicou a diretora, que se separa da missão.

Segundo Fernanda Baltazar, executiva de negócios internacionais da Câmara Árabe, os empresários brasileiros saíram satisfeitos das reuniões. "Eles puderam entender do mercado e do momento em que ele está. O Egito está com a economia aquecida, é um grande mercado e o fato de o acordo de livre comércio Mercosul-Egito ter entrado em vigor trouxe um fôlego aos empresários de ambas as regiões com interesse em realizar negócios", explicou.

Como diferencial da visita ao Cairo, a executiva destacou a reunião que empresários do setor de cosméticos realizaram na Organização Geral de Controle de Exportações e Importações do Egito (Goeic) para tirar dúvidas sobre o registro de produtos e empresas no país.

Os empresários brasileiros que participam da viagem organizada pela Câmara Árabe agora partem em direção à Tunísia. A agenda no país africano vai de 18 a 20 de abril.

Fonte: Comex do Brasil

Programa Abrava Exporta
HVAC-R Brasil

Av. Rio Branco, 1492
CEP: 01206-001 | São Paulo − SP
Tel: 55 11 3361.7266 R. 120
Todos os direitos reservados®
www.abravaexporta.com.br

ContatoYoutubeContato