Logo HVAC-R
Logo Abrava
Logo Apex Brasil
São Paulo, Brasil -
Português   |   Inglês   |   Espanhol
Página Inicial > Notícias

Representantes do governo e da indústria defendem acordo entre Mercosul e União Europeia

27/06/2018
O presidente do Conselho Empresarial da América Latina (CEAL), Ingo Plöger, disse, durante o 36º Encontro Econômico Brasil Alemanha (EEBA), que chegou a hora de lideranças brasileiras e europeias agirem nas negociações entre o Mercosul e a União Europeia. "O Estado está muito devagar em relação às empresas", ressaltou, durante o painel sobre políticas econômica e comercial. Segundo ele, há uma falta de visão da Europa na participação das longas cadeias produtivas da América do Sul.

O embaixador Roberto Jaguaribe, presidente da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), concorda com Plöger, ao dizer que Brasil e Alemanha devem se mobilizar para manter regras internacionais compatíveis com os interesses dos países e com o ordenamento da conjuntura internacional.

"No momento em que o principal autor do modelo que foi adotado a partir de 1945 começa a questioná-lo e volta ao rumo de protecionismo e individualismo nas relações internacionais, é necessário buscar estratégias que possam assegurar a manutenção em nível relevante de relações importantes", disse.

De acordo com Jaguaribe, o Brasil é o segundo maior destino de investimentos da Europa no mundo, atrás dos Estados Unidos e à frente da China - quase 50% dos aportes europeus na América Latina são direcionados ao Brasil. Em contrapartida, o presidente da Apex-Brasil disse que o país é origem de 70% dos investimentos latino-americanos na Europa.

A secretária-executiva do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), Yana Dumaresq Sobral Alves, por sua vez, destacou a vocação multilateral brasileira e o ímpeto reformista no ambiente regulatório. "Um novo tempo se abre para o Brasil, para a atração de investimentos para produção de energia e combustíveis renováveis", disse.

EEBA

O 36º Encontro Econômico Brasil Alemanha (EEBA) é organizado pela CNI e pela BDI, com apoio da Prefeitura de Colônia e da Câmara Brasil-Alemanha de São Paulo (AHK São Paulo). O evento ocorre de forma intercalada entre os dois países. A edição de 2019 será no Rio Grande do Norte, com o apoio da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (FIERN).

Fonte: CNI

Programa Abrava Exporta
HVAC-R Brasil

Av. Rio Branco, 1492
CEP: 01206-001 | São Paulo − SP
Tel: 55 11 3361.7266 R. 120
Todos os direitos reservados®
www.abravaexporta.com.br

ContatoYoutubeContato